Redes sociais: inimigas ou aliadas?

redes sociais.jpg

É certo que as redes sociais ganharam papel de destaque na vida da maioria das pessoas hoje. Quando falamos em empresas de Estética, mesmo no caso das menores, esse papel é ainda mais importante. Isso porque as redes sociais ajudam muito na divulgação, tirando dúvidas quanto aos procedimentos e levando informações para pessoas que, por vezes, nem teriam contato com os serviços oferecidos. Mas quais são os limites para o uso das redes sociais na Estética?

Para começar, é importante sempre ter em mente a ética. Do mesmo jeito que as redes podem ser aliadas, elas podem se transformar em inimigas do esteticista, e por suas próprias mãos.

Na hora de publicar sobre os serviços, por exemplo, é importante ter domínio dos assuntos, pesquisando a teoria tanto quanto a prática para saber falar com propriedade sobre o tema. Além de dar explicações corretas, também é preciso se atentar para a linguagem, que não pode ser uma linguagem muito técnica, pois o cliente precisa entender a mensagem e, muitas vezes, ele não tem o conhecimento teórico do esteticista para compreender termos muito técnicos.

Outro ponto importante de ser destacado é a publicação das fotos. É imprescindível ter autorização do cliente para fazer o registro fotográfico e utilizá-lo na divulgação do seu espaço – ele deve estar ciente e concordar com isso. Além disso, mesmo com a autorização, é importante utilizar meios que impeçam a identificação desse cliente por meio da foto. Então, vale ficar atento para o enquadramento, o uso de tarjas e outras estratégias para que a pessoa fotografada não seja identificada.

Um terceiro item importante são as avaliações por meio de redes como o Whatsapp. Assim como médicos não devem realizar consultas por esses métodos, os esteticistas também não devem fazer avaliação dessa maneira. Isso porque a avaliação estética é composta por análises minuciosas da pele e de outros detalhes e informações que precisam de um contato pessoal para serem bem feitos. Por outro lado, o Whatsapp é uma ótima ferramenta para acompanhar a evolução dos clientes em tratamento, tirando as possíveis dúvidas e orientando o homecare. Tudo com muito cuidado e parcimônia.

Assim, baseado na ética e no bom senso, é possível usar as redes sociais para o crescimento do seu estabelecimento de Estética. Quem quiser investir ainda mais nesse nicho que está oferecendo resultados cada vez melhores para quem usa com sabedoria, é só buscar alguns cursos disponíveis até mesmo on-line. Afinal, conhecimento nunca é demais!

Até a próxima!

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s