Redes sociais: inimigas ou aliadas?

redes sociais.jpg

É certo que as redes sociais ganharam papel de destaque na vida da maioria das pessoas hoje. Quando falamos em empresas de Estética, mesmo no caso das menores, esse papel é ainda mais importante. Isso porque as redes sociais ajudam muito na divulgação, tirando dúvidas quanto aos procedimentos e levando informações para pessoas que, por vezes, nem teriam contato com os serviços oferecidos. Mas quais são os limites para o uso das redes sociais na Estética?

Para começar, é importante sempre ter em mente a ética. Do mesmo jeito que as redes podem ser aliadas, elas podem se transformar em inimigas do esteticista, e por suas próprias mãos.

Na hora de publicar sobre os serviços, por exemplo, é importante ter domínio dos assuntos, pesquisando a teoria tanto quanto a prática para saber falar com propriedade sobre o tema. Além de dar explicações corretas, também é preciso se atentar para a linguagem, que não pode ser uma linguagem muito técnica, pois o cliente precisa entender a mensagem e, muitas vezes, ele não tem o conhecimento teórico do esteticista para compreender termos muito técnicos.

Outro ponto importante de ser destacado é a publicação das fotos. É imprescindível ter autorização do cliente para fazer o registro fotográfico e utilizá-lo na divulgação do seu espaço – ele deve estar ciente e concordar com isso. Além disso, mesmo com a autorização, é importante utilizar meios que impeçam a identificação desse cliente por meio da foto. Então, vale ficar atento para o enquadramento, o uso de tarjas e outras estratégias para que a pessoa fotografada não seja identificada.

Um terceiro item importante são as avaliações por meio de redes como o Whatsapp. Assim como médicos não devem realizar consultas por esses métodos, os esteticistas também não devem fazer avaliação dessa maneira. Isso porque a avaliação estética é composta por análises minuciosas da pele e de outros detalhes e informações que precisam de um contato pessoal para serem bem feitos. Por outro lado, o Whatsapp é uma ótima ferramenta para acompanhar a evolução dos clientes em tratamento, tirando as possíveis dúvidas e orientando o homecare. Tudo com muito cuidado e parcimônia.

Assim, baseado na ética e no bom senso, é possível usar as redes sociais para o crescimento do seu estabelecimento de Estética. Quem quiser investir ainda mais nesse nicho que está oferecendo resultados cada vez melhores para quem usa com sabedoria, é só buscar alguns cursos disponíveis até mesmo on-line. Afinal, conhecimento nunca é demais!

Até a próxima!

Manchas nas axilas: tem solução?

hiperpigmentação nas axilas

Quando falamos em manchas na Estética, na maioria das vezes, pensamos em manchas localizadas na face, como o melasma, as olheiras, as sequelas de acne etc. Porém, existe um tipo de mancha que também incomoda muito as pessoas e que, é claro, pode ser tratada pelos esteticistas: as manchas localizadas nas axilas.

São vários os fatores que provocam esse tipo de manchas. Podemos citar desde o uso de desodorantes, passando pela exposição à radiação UV, o atrito das roupas, até o envelhecimento e os fatores hormonais. Outra causa bastante comum é a epilação – remoção dos pelos pela raiz. Isso porque toda agressão sofrida na pele provoca uma reação que se reflete no estímulo à produção de melanina. Já vimos nesse post que a melanina é um importante meio de proteção do nosso corpo contra os raios UV, mas ela também age quando ocorrem outros tipos de agressões. Por isso é tão comum vermos casos de machucados que viram manchas, ou cicatrizes que ficam mais escuras que o restante da pele – a isso dá-se o nome de hiperpigmentação pós-inflamatória.

Seja qual for o motivo, o fato é que a hiperpigmentação nas axilas pode ser combatida com estratégias que utilizam ativos cosméticos e alguns equipamentos, como a luz pulsada. O laser também é bastante utilizado e proporciona ótimos resultados, porém, os lasers em geral são de uso médico.

Entre os ativos cosméticos mais utilizados para tratar a hiperpigmentação nas axilas estão alguns extratos naturais, como o de alcaçuz e arbutin, que inibem a tirosinase – enzima que desempenha papel fundamental na síntese da melanina. Outros ativos muito utilizados são a idebenona que, além de inibir a tirosinase, tem ação antioxidante, e o ácido kójico, um ativo despigmentante e inibidor da produção de melanina.

Qualquer que seja o método indicado para o tratamento, é preciso ter em mente que são necessárias algumas sessões até que se chegue a um resultado satisfatório. Isso porque muitas vezes as manchas são profundas e de difícil solução. Por isso, é importante ter paciência, seguir as orientações de home care e não abandonar o tratamento.

E, é claro, nunca é demais lembrar: procure um profissional capacitado para fazer uma anamnese completa e avaliar qual o melhor protocolo de tratamento para você!

Até a próxima!

Chocolate provoca acne?

acne e chocolate

Muitas pessoas se perguntam se o chocolate – ou qualquer outro alimento, especialmente doce – provoca acne. Isso acontece porque, após consumi-lo, costumam aparecer ou aumentar o número de cravos e espinhas. Mas será que é verdade? Será que a acne tem relação direta com a nossa dieta?

Bom, para começo de conversa, é preciso esclarecer que a acne é uma doença inflamatória crônica que acomete o folículo pilossebáceo. Costuma aparecer mais frequentemente na adolescência, mas também acomete indivíduos adultos. A fisiopatologia da acne inclui fatores como a hiperprodução de sebo e a hiperqueratinização folicular (formação dos comedões – “cravos”), a colonização bacteriana folicular pela bactéria Propioniobacterium acnes e a liberação de mediadores inflamatórios (formação das pústulas – “espinhas”).

Deste modo, pode-se entender que qualquer ação que interfira em algum desses fatores poderia resultar na formação da acne. E é isso que acontece quando algumas pessoas ingerem grandes quantidades de açúcar. Quando comemos muitos alimentos de alto teor glicêmico (não só os doces, mas também pães, biscoitos, batata frita etc.), ocorre o que se chama de hiperinsulinemia, que, entre outros efeitos, estimula a síntese de hormônios andrógenos que, por sua vez, estimulam uma maior produção de sebo. Além disso, a hiperinsulinemia também contribui para a hiperqueratinização folicular, resultando na formação dos comedões. Aí, se a pele estiver colonizada pela Propioniobacterium acnes, ocorrerá a inflamação característica das espinhas.

Ou seja: ao comer esse tipo de alimento, estamos iniciando uma cadeia de reações hormonais em nosso corpo que pode, sim, favorecer o aparecimento da acne. Mas é claro que tudo vai depender da sua predisposição e bioindividualidade.

Portanto, se você já sofre com esse problema, além de investir nos tratamentos estéticos e dermatológicos, é preciso ficar de olho na alimentação. Muitas vezes, o tratamento não vai surtir o efeito desejado porque não houve mudança na alimentação. Como já vimos, a acne é causada por vários fatores, então, é natural que tenhamos que lutar em várias frentes para combatê-la.

Até a próxima!

Beauty Class com Vic Ceridono em BH!

vic ceridono em BH

A editora de beleza da Vogue e blogueira à frente do Dia de Beauté, Vic Ceridono, estará em Belo Horizonte na próxima quarta-feira, dia 12, para participar da Beauty Class, na loja The Beauty Box do BH Shopping.

A blogger vai comandar um bate-papo sobre sua especialidade – make – e ainda vai orientar as participantes a fazer compras certas. As vagas são limitadas (25) e as interessadas podem agendar presença pelo telefone (31) 3264-2598. O valor da inscrição é R$ 250, mas quem participa do clube da Beauty pode pagar o equivalente a 2.000 pontos, que serão debitados do seu saldo no dia do evento. Vale lembrar que 100% do valor da inscrição será revertido em produtos a serem trocados na loja após o evento! Dá para rechear o nécessaire!

A inscrição poderá ser feita até as 16h do dia 12 ou enquanto houver disponibilidade de vagas. Então corra para garantir a sua!

Sobre a Vic:

Nascida em São Paulo e morando em Londres desde 2013, Victoria Ceridono é jornalista de beleza há mais de dez anos, blogger e autora do livro “Dia de Beauté: Um Guia de Maquiagem para a Vida Real”. Lançou o blog Dia de Beauté, um dos pioneiros no Brasil, em 2007, quando estava na faculdade e era estagiária no site Chic, de Gloria Kalil. Na época também escrevia para a Vogue e em 2010 virou editora de beleza da revista, cargo que ainda ocupa, agora trabalhando de Londres.

Até a próxima!

Tratamentos estéticos substituem os exercícios físicos?

Essa é uma dúvida muito comum. Grande parte das pessoas que buscam os tratamentos estéticos não pratica nenhuma atividade física. Então, descontentes com alguma característica do corpo, recorrem à estética em busca de resultados mais rápidos e fáceis do que passar horas do dia, durante meses, fazendo algum exercício. Mas esse pensamento – de que os tratamentos estéticos substituem os exercícios – está longe de ser correto. E isso por vários motivos.

Entre os muitos tratamentos estéticos corporais disponíveis, destacam-se os para flacidez, perda de medidas, celulite e estrias, entre outros. Os objetivos deles são melhorar o aspecto da pele e/ou de determinada região do corpo. Por consequência, pode ser que haja melhoras fisiológicas também, como no caso dos tratamentos para celulite, que otimizam a drenagem linfática, amenizando edemas e o desconforto trazido por eles, por exemplo.

exercício físicoJá os exercícios físicos têm objetivos que vão além da simples melhora de aspectos inestéticos. Eles envolvem toda uma cadeia de fatores fisiológicos que vão beneficiar a saúde, melhorando a circulação, o metabolismo, proporcionando perda de gordura, entre outros, que, por consequência, vão impactar no aspecto visual do corpo, com perda de medidas, melhora na celulite e na flacidez etc.

Então, o pensamento é complementar. A grosso modo: enquanto a estética trabalha o lado de fora, podendo impactar o lado de dentro, os exercícios trabalham o lado de dentro, podendo impactar o lado de fora. E o melhor dos cenários é quando os dois – estética e exercícios físicos – andam juntos. Aí sim é que se obtêm os melhores resultados, pois um corpo saudável tem muito mais capacidade de responder satisfatoriamente aos tratamentos estéticos, que terão efeitos muito mais notáveis e duradouros se forem feitos em praticantes de atividade física regular.

Corrente RussaE isso vale até mesmo para os tratamentos estéticos que envolvem diretamente o trabalho muscular, como é o caso da corrente russa. Isso porque, no caso desse tipo de corrente, apesar de proporcionar uma contração muscular e promover aumento da força e hipertrofia quando realizada corretamente, ela atua apenas nisso: fortalecimento muscular. Seus efeitos estéticos incluem melhora no aspecto da celulite e melhora na flacidez. Porém, os demais benefícios dos exercícios à saúde – que são inúmeros – não estão inclusos nessa conta.

Portanto, nada de recorrer à estética achando que vai ser a solução para sua preguiça! O ideal é manter uma rotina de exercícios físicos e recorrer aos tratamentos estéticos como forma de ter resultados mais rápidos e objetivos. Lembre-se: a estética e a atividade física devem ser aliadas e andar sempre lado a lado, assim como a alimentação balanceada!

Até a próxima!

Pincéis Mariana Saad by Océane

kabuki ms oceane.jpgA top blogger Mariana Saad lançou, nesta semana, sua linha de pincéis de maquiagem em parceria com a Océane. São 10 pincéis Kabuki, sendo cinco para olhos e cinco para a face. As cerdas são sintéticas de nylon e poliéster, preservando o conceito cruelty free da marca.

Os modelos disponíveis são:

Flat Top Kabuki – K80

Ideal para aplicar base, este pincel deposita a base enquanto faz o polimento, deixando o acabamento perfeito e sem marcas de cerdas. Permite alta cobertura da pele.

Sharp Kabuki – K40

Ideal para corretivo, este pincel possui o ângulo ideal para depositar e esfumar o corretivo, deixando a cobertura perfeita e o acabamento com textura de pele real.

Flat Angled Kabuki – K60

Ideal para contorno e bronzer, já que aplica e esfuma sem deixar linhas marcadas. Também é bom para aplicar base líquida, garantindo ótima cobertura.

Round Kabuki – K18

Ideal para maquiagem mineral e finalização, indicado para pó facial, já que o produto se distribui entre as cerdas e espalha com facilidade na pele.

Angled Kabuki – K20

Ideal para blush, este pincel pega e deposita produto facilmente, além de esfumar para evitar uma aplicação marcada nas maçãs do rosto.

Precision Flat Angled – KP8

Ideal para corretivo, primer e sombras cremosas. O ângulo do corte chanfrado reto das cerdas permite alcançar os cantinhos com precisão. Ideal para produtos líquidos e cremosos.

Precision Flat Top – KP10

Ideal para ser usado com corretivo para cobertura pontual de manchas e espinhas. Aplique dando batidinhas em cima da área a ser corrigida, depositando o produto para garantir cobertura. Pode-se usar o mesmo procedimento com pó para selar o corretivo.

Precision Sharp – KP6

Ideal para aplicar pigmentos, glitter e sombras na pálpebra superior e cantinhos, perto do canal lacrimal. Por ter o corte das cerdas gradual, permite obter maior precisão e encaixe. Faz com que o pigmento se fixe nas cerdas e seja carregado para a pálpebra sem bagunça.

Precision Round – KP2

mariana_saad_by_oceaneIdeal para aplicar sombras em pó. Pode ser usado para aplicar a sombra em toda a pálpebra móvel e para fazer um côncavo mais esfumado. Em movimento circulares e de vai e vem, ele distribui os pigmentos e esfuma o côncavo marcado.

Precision Angled – KP4

Ideal para aplicar sombra em pó e deixar o côncavo marcado. É possível aplicar iluminador na pontinha do nariz, nas têmporas e no arco do cupido em cima da boca.

Os pincéis para olhos custam R$ 19,50 e os para face custam R$ 38. A coleção está disponível nas lojas físicas e e-commerce da Océane. Em breve, estará também nos pontos de venda espalhados pelo Brasil.

Até a próxima!

ABEB: conhecimento e benefícios para o profissional de Estética

Você, profissional de Estética e Embelezamento, já conhece a Academia Brasileira de Estética e Beleza – ABEB? É uma empresa privada que busca reunir profissionais da área para compartilhar conhecimentos e proporcionar benefícios. Não se trata de uma associação, nem de um sindicato. É apenas uma empresa que busca oferecer ao profissional oportunidades de aprimorar seu conhecimento e ter acesso a algumas vantagens exclusivas. Continuar lendo